// Sobre Mim

Oi, Eu sou Celia

   Em 1992 percebi meu interesse pelas práticas terapêuticas integrativas.

   Profissional egressa da área de Recursos Humanos,  comecei a questionar profundamente a perspectiva do ser humano como recurso. Afinal de contas, recurso para quem o para quê?

   Estas perguntas iniciais me levaram ao encontro do pensamento sistêmico.

    A primeira linguagem que conheci foi a Hipnose de Milton Erickson. Erickson dizia coisas interessantes como, “no veneno, está o antídoto”, e ao longo do meu desenvolvimento pude compreender que na dor também existe a força.

Percebi também o quanto somos intérpretes do mundo. Através dos filtros naturais dos cinco sentidos "etiquetamos" as experiências de modo muito rígido e ficamos presos em estados patológicos e inconscientes.

É quando, por exemplo, sabemos que não deveríamos agir de determinada forma, mas a ação acontece mesmo assim.

 

    A partir daí tornei-me uma aluna/pesquisadora apaixonada por muitos métodos e saberes, sempre buscando o embasamento na ciência, o que me possibilitou conhecer muitos autores, pensadores, cientistas e maravilhosos professores. 

 

    Em 1994, interessada em compreender mais sobre o paradigma corpo-mente, segui meus estudos e me tornei Master Practitioner em Programação Neurolinguística. 

    Fiz formações em Reiki, Auriculoterapia, Shiatsu e segui caminhando pelas terapias de base energética,  até conhecer o BodyTalk System em 2006, que foi determinante para que eu assumisse a Terapia Integrativa como atividade profissional. 

img_quem sou eu.jpg

Sou Terapeuta CBP PaRama vinculada a Associação Internacional de BodyTalk (IBA), meu fazer terapêutico consiste em  atendimentos presenciais em meu consultório no Rio de Janeiro e à distância no Brasil e no mundo.

    Pratico e desenvolvo oficinas terapêuticas, tendo como princípio e fim a elaboração do que chamo de Fisiologia do Afeto.

     

    Sou Consteladora pelo Instituto Koziner, de Constelações Familiares e Ferramentas Sistêmicas.

 

    Estou sempre estudando algo, porque o mundo oferece muitas possibilidades e eu acho muito divertido conhecer sobre as coisas.

Me defino como terapeuta de abordagem sistêmica, sendo o BodyTalkSystem e Constelações Familiares as práticas que expressam a filosofia central na minha, que transborda para a a prática terapêutica.

 

 

 

Celia Barboza 
Terapeuta